Top

Organização e rotina de uma empreendedora: tudo o que você deve saber

Oi, miga! Organização e rotina ainda é um bicho de sete cabeças para você? Quer saber como nós redatoras e mulheres do time Moving Girls somos em relação a esse ponto? Então, leia o post.

Primeiro, saiba que existem diversos métodos sobre esse tema. Mas o melhor sempre vai ser aquele que dá certo para você, então desde já, teste todos, conheça o máximo das técnicas e entenda de que maneira você produz melhor, combinado? Nesse link você encontra todos os posts do blog relacionados a isso.

Dito isso, vamos observar e entender como cada moving girl pensa sobre o assunto. Fique até o final que eu vou te dar algumas dicas complementares:

1. Organização

Para se organizar, a nutri Tali Ferraz, utiliza aplicativos no celular e um planner que atualiza diariamente com as atividades mais importantes. Já a Milena é mãe e vive a rotina intensa de home office, ela prefere se organizar com um planner, mas elencando as atividades por blocos de tarefas semanalmente: ela divide as atividades que precisa fazer de manhã e à tarde.

Você já testou essas formas de organização, miga?

Já a nossa psico favorita Andressa, procura sempre manter ao máximo o equilíbrio, tendo seu horário de almoço com um intervalo para fazer uma pausa: ela especifica horários de trabalho e horários de descanso, nada de tentar fazer tudo ao mesmo tempo (mindfullness que fala, né?) e evita trabalhar aos domingos.

Assim, para se organizar, ela utiliza o Google Agenda para compromissos, combinado com listas de tarefas. Caso você não conheça essa ferramenta de organização poderosa do Google, saiba que é mega acessível, miga. Clicando aqui você aprende a usar e nesse post você conhece outras ferramentas, detalhe: tudo free! Amamos haha

Até agora você percebeu que cada moving girl tenta conciliar a rotina de uma forma que faz sentido dentro de seu trabalho. A Bianca, por exemplo, assumiu que não possui uma rotina organizada (quem mais haha?), mas que no geral, ela tem uma agenda e toda segunda-feira marca o que precisa fazer durante a semana. A Lais, designer da Moving também assume que sempre foi desorganizada, mas que aposta no combo:

  • planner
  • agenda do Google
  • post it

Miga, para mim isso é perfeito! Unir o analógico ao digital, fora que eu sou a louca dos post its. Acredite, eles são uma poderosa ferramenta e o designer thinking veio provar isso.

Nesse sentido, há outras mulheres como a Genises e Aline, nossas correspondentes internacionais, que amam o planner, inclusive a Aline consegue memorizar seus compromissos e organiza as outras atividades por ordem de prioridades (meta, né, miga?)

2. Rotina e maternidade

Enfim, até aqui vimos que não há um padrão, pois todas temos rotinas diferentes com necessidades diferentes. Nesse sentido, falar em organização e maternidade é ainda mais complexo, né? Até porque cada empreendedora tem suas particularidades, sua profissão e modo de trabalho, e aí com um baby nisso, a vida pede mais jogo de cintura. Dessa maneira, temos algumas moving mães, seguem os relatos:

A Grau faz assim: “a forma mais facilitada que encontrei de organizar minha rotina é tomando notas em um planner. As ferramentas online já me ajudaram muito, mas hoje, com as prioridades, nem sempre é possível ver a agenda remota, eu olho a agenda de papel. Outra coisa que me ajuda muito para pequenos lembretes é o notas do celular.”

Ela continua, basicamente separo em:

  • Tempo de qualidade pela manhã (seja fazendo um devocional, lendo um livro ou tomando um café da manhã em família);
  • Trabalho;
  • Tempo para projetos pessoais;
  • Tempo para pessoas (onde ligo ou me conecto com algum amigo ou familiar);
  • Tempo de qualidade à noite.

Por outro lado, a Paloma que tem um bebe de 11 meses, aproveita os períodos de soneca, tv e brincadeiras e vai trabalhando ao poucos ao longo do dia, porém durante a noite, quando o sono dele é mais profundo, ela consegue se concentrar no trabalho mesmo.

Cade as moving maês que acompanham a gente? Como é a vida aí?

Organização e rotina ideal, existe?

Se você leu até aqui percebeu rotinas parecidas com a sua, mas sei que em algum momento você parou, refletiu, pensou e até ensaiou colocar em prática uma rotina mais funcional ou adequada a horários, ou com tarefas para cumprir. Se isso rolou parabéns, mas se você se frustou, aqui vão algumas dicas finais para você refletir e saber que o perfeito realmente não existe:

  • Alinhe expectativas com você mesmo: não adianta ir dormir tarde e achar que vai conseguir acordar cedo miga, isso é até possível mas não é sustentável a longo prazo;
  • Organização é uma constância: é das tentativas, da persistência, até você chegar ao minimamente aceitável para você;
  • Elenque itens indispensáveis para sua rotina: seu momento de skincare, um treino ou seu vinho na sexta-feira, seu momento especial, não negocie, inclua isso dentro do seu planejamento e não abra mão.

Enfim, miga, há outros pontos sobre os quais podemos falar mais, mas isso é assunto para um próximo post!

Espero que conhecer um pouco de cada moving girl, suas ferramentas e refletir esses últimos tópicos te ajudem em sua jornada. Não esqueça que você é incrível! Um beijo e até o próximo post.

Técnica em marketing e estudante de publicidade e propaganda na USP. Desde sempre precisar trabalhar e estudar e assim, entendi que com organização, planejamento e jogo de cintura, nossos sonhos são possíveis.

Deixe-nos um comentário, miga!