Top

As 100 Marcas mais valiosas do Mundo em 2020

Anualmente, a Interbrand disponibiliza um relatório com as 100 Marcas mais valiosas do Mundo. Esse relatório tem como base o crescimento de marca das empresas. A Interbrand divulga esse relatório desde 1999. De acordo com o relatório das Marcas Mais Valiosas do Mundo em 2020, podemos ver algumas surpresas quanto às empresas do ranking e muito se deve à pandemia que estamos passando.

Dessa forma, com um ranking tão tecnológico e surpreendente, vou trazer algumas análises importantes sobre as 100 Marcas Mais Valiosas do mundo em 2020. Assim, podemos refletir sobre o que aprender com esse ranking e o que esperar do futuro. É estando atualizada e aprendendo com os grandes que você constrói a sua Dominação Mundial, né, miga?

Marcas Mais Valiosas do Mundo em 2020

Como é organizado o ranking?

Segundo Charles Trevail, CEO global da Interbrand, a pesquisa feita para decidir as marcas mais valiosas do mundo considera alguns fatores como lealdade do cliente, desempenho financeiro e lucratividade futura. Afinal, já sabemos que nem só de dinheiro vive uma empresa, miga! É preciso cativar o cliente, torná-lo fã da sua marca, o que consequentemente melhora muito o seu desempenho financeiro atual e garante a lucratividade futura. É assim que as Marcas mais valiosas do Mundo são classificadas e é assim que você também deve enxergar o seu negócio. Lembre-se de que toda gigante do mundo dos negócios começou pequena!

“Liderança, envolvimento e relevância são três temas consistentes que vemos conforme as marcas tentam navegar no cenário de negócios em rápida mudança.”

Charles Trevail

Análise sobre as 100 Marcas mais valiosas do Mundo em 2020

  • O Top 10 das marcas mais valiosas do mundo em 2020 se mantém com as mesmas empresas de 2019, apenas com algumas alterações nas posições;
  • O Top 10 é formado por: Apple, Amazon, Microsoft, Google, Samsung, Coca-Cola, Toyota, Mercedes-Benz, Mc´Donalds e Disney;
  • Pelo oitavo ano consecutivo, a Apple é considerada a empresa mais valiosa do mundo, avaliada em US$ 323 bilhões, aumentado o seu valor 38% em relação a 2019;
  • A Apple é a primeira empresa de tecnologia a ultrapassar o seu valor em US$ 300 bilhões;
  • A Amazon, 2º lugar no ranking, avaliada em US$ 201 bilhões, é considerada uma gigante do e-commerce. A prova disso, é que a Amazon foi a empresa que mais cresceu em um ano, aumentando seu valor em 60%;
  • Falando sobre crescimento, a Microsoft foi a segunda empresa que mais cresceu em seu valor de marca, atingindo uma crescente de 53%, ultrapassando o Google no ranking;
  • Ainda sobre crescimento, além da Amazon e da Microsoft, as empresas que mais cresceram o seu valor de marca foram: o Spotify, que cresceu 52% e está na 70º posição, a Netflix, que cresceu 41% e está na 41º posição e a Adobe, que cresceu 41% e está na 27º posição.

O efeito Covid

A pesquisa das Marcas mais valiosas do Mundo em 2020 foi contabilizada de julho de 2019 a junho de 2020. Dessa forma, a pandemia influenciou muito no ranking, principalmente das empresas com operações físicas e que foram fechadas devido ao Covid-19.

  • Algumas varejistas do setor de vestuário que trabalham com operações físicas, como a Zara e a H&M caíram no ranking, em média 6 posições. Isso se deve ao fechamento das lojas físicas durante a pandemia;
  • Em contrapartida, com o crescimento exponencial das compras online, as empresas de logística aumentaram o seu valor de marca. Como a UPS que cresceu 6% e a FedEx e a DHL que cresceram 5%;
  • Ainda neste sentido, a migração dos meios de pagamento para o eletrônico e as campanhas de apoio para negócios locais, fizeram com que empresas de pagamento crescessem, como o Paypal, que cresceu 38%, a Mastercard que cresceu 17% e a Visa que cresceu 15%;
  • O resultado visível da pandemia foi a chegada do Zoom ao ranking. O Zoom aumentou seu capital em 389% em um ano e sua receita cresceu 270% no primeiro semestre de 2020. Muito usado desde o início do isolamento social como meio de comunicação em vídeo, foi o crescimento do uso da plataforma e consequentemente o aumento da lucratividade da empresa que a colocaram no ranking pela primeira vez;
  • Ainda sobre tecnologia e mídias sociais, temos no Ranking a chegada do Instagram e o YouTube. Por outro lado, o Facebook que já fazia parte do ranking caiu 12%. Esse sobe e desce das redes sociais é visto no nosso dia a dia, enquanto o Instagram e o YouTube são muito utilizados, o Facebook vem sendo deixado de lado.

Analisando todo o ranking, vemos que as empresas de tecnologia estão ganhando cada vez mais destaque.

O que aprendemos com as Marcas mais valiosas do Mundo em 2020?

As lições que podemos aprender com o ranking das Marcas mais valiosas de 2020 é que a pandemia não “prejudicou” apenas os pequenos negócios. Podemos ver que muitas empresas, principalmente algumas gigantes líderes de mercado, tiveram alguma perda. E isso tem muito a ver com a importância de ter seu próprio blog, site, e a estrutura online estratégica, para que na adversidade a sua empresa consiga se manter. Sobre futuro, vemos que há uma tendência de empresas de tecnologia e redes sociais no ranking. Logo, isso fortifica ainda mais a necessidade de ter uma empresa sustentável na internet. Faz tempo que se fala que o futuro é online, e a pesquisa da Interbrand vem para reafirmar isso.

Ranking das 100 Marcas Mais Valiosas do Mundo em 2020.
Ranking das 100 Marcas Mais Valiosas do Mundo em 2020. Fonte: Divulgação Interbrand

Engenheira de Produção e agora Empreendedora Digital, entendi que podemos sempre nos reinventar! Entre outras coisas, sou estrategista digital e criadora de conteúdo, acredito que o Empreendedorismo Online empodera e transforma o mundo! Conte comigo, quero te ajudar a ser livre e independente construindo seu conteúdo online.

Deixe-nos um comentário, miga!