Top

Amanda Cordeiro: Moving Black Girl que você precisa conhecer

Primeiramente, olá, migas, tudo bem? Hoje vamos conhecer nossa Moving Black Girl, Amanda Cordeiro, que também é nossa redatora, e fala sobre Trabalho e Estudo aqui no Blog.

Provavelmente, você já leu algum dos seus textos e tenho certeza que vai adorar conhecer um pouco mais sobre ela e sua trajetória profissional, afinal, ela também é uma baita empreendedora.

Mas quem é Amanda Cordeiro?

Amanda Cordeiro tem 25 anos, mora em São Paulo, é Redatora, Técnica em Marketing, está se formando em Publicidade na USP, é empreendedora e dá muita consultoria e mentoria. Já vimos que ela gosta bastante desse meio digital, né?

E não é pra menos: ela está aqui na internet desde o tempo do Flickr, um site onde você podia compartilhar várias fotos. Depois esteve no Tumblr (ai ai saudades Tumblr), Myspace e também teve blog.

Amanda é curiosa por natureza, e sempre foi de conhecer novos lugares virtuais e entender a potência dessas redes em sua vida. Inclusive, é tentando, “curiando”, mexendo, praticando, que a gente realmente começa a pegar experiência e descobre um mundo de possibilidades (fica a dica, tá?)

De diversão para profissão

Lá em 2015, Amanda criou o perfil @estudamanda com a pretensão de ser um diário virtual.

Na época, eu acompanhava muitos perfis de concurseiros e ver aquela rotina me inspirava: os post-its, as dicas de estudo… e eu torcia tanto pela aprovação que pensei, “vou criar um insta  assim quando pedir demissão do trabalho “só pra estudar” porque vai que eu passo na USP, né? Ai tenho um lugar pra deixar registrado’”, e foi assim que ela saiu do trabalho e resolver colocar um projeto no mundo.”

De uma diversão, para compartilhar dicas, resumos e assuntos do tipo, alcançou seus 13 mil seguidores e conseguiu sua primeira parceria. Daí em diante percebeu que uma brincadeira poderia se transformar em algo maior.

Hoje, com mais de 19 mil pessoas acompanhando, pretende transformar o perfil em uma comunidade de estagiários e estudantes que ainda estão na dúvida sobre estudos e profissão, trazendo acessibilidade e transparência.

Alcançando novos horizontes

Se você pensa que Amanda parou por aí, está enganada. Em setembro desse ano, em meio à pandemia e ao COVID-19, criou algo totalmente diferente do @estudamanda. Com o desejo de expor tudo que sabia, idealizou o @eumarketeira, um perfil profissional para expor tudo que sabia sobre os conhecimentos em martketing, comunicação e estratégias. Toda experiência arrecadada, tanto na universidade, quanto nos trabalhos que teve ao longo dos anos, foram os motivadores para compartilhar suas experiências de forma acessível e didática.

O intuito dele, para além do retorno financeiro, é criar uma comunidade com pessoas que entendem que marketing é legal e ser blogueirinha também, ambos termos que se tornaram pejorativos em algumas situações”, completou.

“Meu maior diferencial é ser acessível”

Na internet, onde todo mundo tem feito tudo muito parecido, é preciso se diferenciar. Para Amanda, acessibilizar o conhecimento é fundamental para que possa alcançar mais pessoas.

“Em cada termo que eu trago, em cada explicação, viso ser o mais ‘minha avó entenderia’ possível, pois quero que as pessoas entendam e tenham autonomia para cuidar do insta de um jeito legal ou pelo menos que possam contratar alguém com mais cuidado entendendo o que há por trás de um post.”

Inclusive, esse também é um dos seus maiores desafios. “Tendo esse posicionamento, muitas vezes atraio pessoas que não valorizam meu trabalho, ou que não entendem o que eu faço e que há ‘limites’ em como consigo ajudar”, comentou Amanda, que sempre ensina, tira dúvidas e está sempre à disposição para ajudar.

Nem sempre é fácil falar sobre o que se sabe

“Outro desafio grande é colocar pra fora tudo o que eu sei. Passei muito tempo criando no @estudamanda, na minha zona de conforto, a partir de experiências pessoais; por outro lado, criando sempre atrás de um crachá, um cliente, uma ghostwriter. Agora é Amanda por Amanda assinando. E isso traz um peso, me cobro muito e sou perfeccionista por esse motivo”.

Apesar disso, Amanda não desiste nem abaixa a cabeça. Segundo ela, esses desafios a fazem tomar um posicionamento mais firme, sabendo pontuar o que quer e aonde quer chegar, além de impulsioná-la a sair da zona de conforto e a fazer sempre mais.

“Minha motivação é minha vontade de chegar em lugares incríveis e poder mostrar que não importa a origem: com garra, esse lugar é nosso”. Amanda sabe da sua trajetória, de onde veio, dos poucos privilégios que teve e de tudo que conquistou até hoje, porque são esses os motivos que a fazem nunca desistir.

O começo de tudo/Deu tudo certo

Quando falamos sobre momentos importante da sua trajetória e das vitórias que ela considera fundamentais, Amanda Cordeiro cita o atual momento que está vivendo.

“Eu tenho me conectado com pessoas incríveis e isso pra mim era difícil antigamente, tenho aprendido bastante”, comentou empolgada, contando ainda sobre fazer parte da Moving Girls e ter colaborado no gerenciamento das mídias de um grande evento de inovação. Além disso, ingressou recentemente na Miami Ad School, uma escola de criatividade e estratégia. Para Amanda, cada passo tem sido uma alegria, e ter colocado a @eumarketeira no ar, alcançado mais de mil seguidores em dois meses e ter conquistado diversas clientes tem sido um presente.

Gif de mulher animada Amanda Cordeiro

Uma dica de ouro para o seu negócio

“Subjetivamente falando, trata-se de autenticidade e de disciplina. Ser autêntica vai te ajudar em todas as etapas da sua marca. Ser você não vai te deixar cair em nenhum tipo de prisão, nem nas suas próprias crenças. Ter disciplina vai te ajudar nos momentos em que não estiver motivada, nos momentos em que tiver que fazer algo que não queira e em todos os momentos de ‘você por você mesma’. E sobre ferramentas, use tudo que tiver gratuitamente ao seu dispor.”

Fala de Amanda Cordeiro

Dominação mundial total

Amanda Cordeio vem construindo uma bagagem profissional, mostrando ao mundo o poder de uma mulher sendo dona do seu próprio negócio. Segundo ela, há muitos planos para colocar em prática, como lançar um ebook, relançar sua mentoria intitulada “instatop”, ampliar sua presença em outras plataformas para aumentar sua comunidade e acima de tudo, ajudar.

“No futuro eu almejo ser uma profissional que impacta ainda mais pessoas e que o @eumarketeira possa ser reconhecido como um dos perfis que levam informações da nossa área de um jeito simples, e que meus infoprodutos sejam soluções de verdade para as pessoas.”

finalizou Amanda

É muito Moving Girls, né? Amanda é tem se tornado uma grande referência no meio digital, e tem mostrado que lugar de mulher preta é onde ela quiser. Ocupar espaços é lutar contra todo o sistema racista e machista, que oprime as mulheres, colocando-as sempre em lugares inferiores.

Afinal, como somos muito safadas, sambamos na cara de quem tenta nos fazer parar, né? E aí, curtiu conhecer mais sobre a nossa Redatora? Com certeza é alguém para se inspirar. Até a próxima!

Jornalista paraibana, se especializando em Neuromaketing e idealizadora de uma revista que vê no feminismo a esperança do mundo, lutando para que mulheres reconheçam seus espaços e se sintam livres.

Comments

  • Ana Luísa
    27 de dezembro de 2020

    Amei demais conhecer um pouco mais da Amanda! Gostei muito da matéria, com certeza vou acompanhar mais esse blog ❤️

    • Moving Girls
      28 de dezembro de 2020

      Obaaaa! Que bom que gostou, miga. Em breve mais conteúdo com mais redatoras da Moving 😉

Deixe-nos um comentário, miga!