Top

4 lições para uma mãe empreendedora

O que ninguém te conta sobre ser uma mãe empreendedora e administrar uma empresa de sucesso?

Em primeiro lugar, se você ainda não sabe, eu tenho dois filhos: o Ravi e o meu negócio que é dois anos e meio mais velho. Nesse sentido, desde que me tornei mamãe, um filho tem influenciado diretamente no outro. Ambos exigem atenção plena e até pouco tempo eu não tinha percebido o quanto essa dinâmica tem me ensinado sobre administrar melhor minha empresa.

Enfim, você deve estar pensando que eu estou louca, né? Na verdade, tem muitas horas que a gente se sente assim mesmo, mas continua lendo o post que você vai aprender muitas lições de uma mãe empreendedora para outra. De qualquer maneira, mesmo que você não seja mãe nem de um negócio, nem de um humano, esse artigo também é para você. Segue o flow!

1. Uma opinião alheia não te define

Antecipadamente, preciso dizer que eu nunca imaginei que ia receber tantas opiniões na minha vida depois do bebê ter nascido. Ao mesmo tempo, é surreal a quantidade de pessoas que começam a tomar conta da sua vida. Entenda que muitos comentários não servem para nada e alguns até te fazem parar para pensar. Todavia, exitem aqueles que te deixam em dúvida sobre sua própria capacidade e são esses que gente joga fora e segue o baile.

Frequentemente, na vida de uma mãe empreendedora acontece a mesma coisa, ou seja, você vai se deparar com um hater ou uma mensagem maldosa aqui e ali que vai te deixar chateada. O que fazer, então? Antes que você me diga, eu sei que não é fácil lidar com esse tipo de situação. Contudo, o melhor a se fazer é desencanar e vida que segue. Por outro lado, se você acha que o comentário diz respeito a algo que você pode (e está a fim de) melhorar, então vai em frente!

2. Ao menos, experimenta

Apesar de ser um bebê, o Ravi já está na fase de comidinhas sólidas além do leite materno. Nesse ínterim, eu já pude perceber que ele não gosta de alguns alimentos, como, pera assada. Definitivamente, não tem jeito, ele não come e pronto. Como é que ele aprendeu que não gosta? Bom, antes de tudo, ele experimentou quando eu ofereci para ele na primeira vez.

melhor maneira de ter resultados é experimentar

Em outras palavras, quando a gente pensa em negócios, especialmente negócios digitais e maternos, não existe melhor maneira de ter algum tipo de resultado a não ser tentar! Não existe ação sem reação, não é mesmo?

Em suma, se você está pensando em lançar um produto, ou atender uma fatia do mercado diferente da sua atual, talvez utilizar uma estratégia de marketing nova, você não vai saber se o resultado é aquilo que você espera (ou não) até ter experimentado fazer acontecer.

3. Quanto mais simples, melhor

Em primeiro lugar, os bebês não sabem falar, mas eles têm seu próprio jeito de se comunicar. Além disso, eles são capazes de compreender o que um adulto está falando através de expressões físicas e de palavras simples.

Nesse sentido, quando você for falar do seu negócio, use frases curtas e vocabulário simples que uma criança de 5 anos possa entender. Tenho certeza de que você já deve ter ouvido isso antes. Portanto, responda às perguntas abaixo da maneira mais fácil que você encontrar e tenho certeza que uma das minhas missões com esse post vai ter sido concluída com êxito:

  • O que você/seu negócio faz que é importante?
  • Qual é a transformação que sua empresa causa?
  • Como você ajuda o seu cliente nesse processo?

Pronto! Miga, mãe empreendedora, agora você sabe exatamente como falar do seu negócio para as pessoas e fazer com que elas tenham ainda mais interesse pela sua marca.

4. Invista a perder de vista

Atualmente, meu filho é um bebezinho, mas desde que eu descobri que ia me tornar uma mãe empreendedora em junho de 2019, comecei a investir nele. De antemão, eu cortei o café e todo alimento que poderia ser nocivo. Posteriormente, voltei a caminhar diariamente, praticar yoga e meditação.

Hoje eu continuo investindo em nós dois: em mim para cuidar bem dele e, especialmente, nele proporcionando segurança e experiências para ele explorar o mundo e vir a ser um ser humano íntegro. Quer investimento mais a perder de vista do que esse?

Na empresa não é diferente, a gente prepara a base e investe no tempo e nas sementes necessárias para colher os frutos em algum momento do futuro. Esses investimentos podem acontecer de várias formas: assistir a um evento na sua área (ou até fora dela para abrir a mente), construir seu site, desenvolver a sua marca, e por aí vai.

mãe empreendedoras e investimentos a perder de vista

Por fim, miga, você que é mãe e empreendedora assim como eu, sabe que pode contar comigo, né! Lembre de passar todas as informações que você recebeu aqui pelo seu filtro e escolher aquilo que mais condiz com o seu momento!

Miga, vamos seguindo o nosso caminho incrível e bora dominar o mundo!

Um beijo e até a próxima

Eu escrevo sobre como ter um negócio f*da e uma vida leve.

Deixe-nos um comentário, miga!