Top
3-Passos-para-exercitar-sua-criatividade-capa

3 Passos para exercitar sua criatividade

Miga, antes de mais nada, preciso te dizer que com o ano que estamos vivendo (ainda me nego a crer que 2020 existiu) é normal que surjam dificuldades na hora de criar e produzir. A ansiedade, a saudade e o medo podem ser grandes problemas para quem trabalha com criatividade.

Mulher triste pela falta de criatividade

Nós já conversamos aqui sobre alguns fatores que podem estar te impedindo de criar, em contrapartida, no artigo de hoje decidi trazer soluções de como exercitar a sua criatividade. Bora colocar a mão na massa?

Esqueça suas crenças limitantes

Preciso dizer que existem muitas crenças limitantes que são colocadas ao redor da criatividade. Eu já falei, mas vale lembrar que criatividade não é talento, mas sim uma característica de todo ser humano. Afinal, somos seres imaginativos e adivinha de onde vem a criatividade? Dela mesma, da imaginação.

Assim, quando criança, a gente é sempre elogiado por ser imaginativo, e depois, aos poucos vamos sendo podados para sermos mais racionais e menos “infantis”; o resultado disso são adultos com inseguranças na hora de desenvolver.

E com o momento que estamos vivendo, muitas vezes sem ter para onde fugir e como espairecer, somos impedidos de usar todo nosso potencial criativo. Por isso, achei pertinente abordar esse assunto aqui!

Exercitando sua criatividade

Agora que você já sabe que criatividade NÃO é um dom natural e isso não passa de uma limitação que colocamos a nós mesmas, deu para entender que ela pode sim ser exercitada e praticada. Aqui vão algumas atividades para essa prática:

1. Saia da sua bolha

A princípio, é comum que a gente se acostume com a nossa rotina, afinal, estamos sempre cercados pelo que já estamos acostumadas, as mesmas pessoas, os mesmos lugares, as mesmas atividades e até os mesmo conteúdos de sempre.

Contudo, você precisa se abrir a novas experiências e vivências, para começar a enxergar a vida de um jeito diferente, vendo que inovar pode ser simples; essas experiências vão despertar novos insights e alimentar o seu background.

Até mesmo dentro de casa é possível aderir a novos hábitos e passatempos, até porque, muitas vezes a gente tem o costume de consumir conteúdos específicos da nossa área. Que tal seguir outros perfis, ver uma série de um gênero que você não costuma ver, ou praticar uma dança diferente?

O @habitosquemudam é perfeito para quem quer saber como começar a colocar novos hábitos no dia a dia:

2. Livros Interativos

Os livros interativos são uma ótima opção para quem quer tanto exercitar a criatividade como relaxar. Eles normalmente oferecem atividades, diários, desafios, assim como proporcionam o autoconhecimento ou registro da nossa evolução pessoal. Alguns que eu indico são:

  • Destrua esse diário;
  • Uma página de cada vez;
  • O livro do bem;
  • O livro dos desafios.

O site As Superlistas também fez uma lista com Os melhores livros interativos. Esses livros têm ótimos exercícios para sua criatividade, além disso, você pode registrar seu desenvolvimento e compartilhar como está sendo essa experiência.

3. Moodboard de inspirações

Primeiramente, você sabe o que é um moodboard? É comum que a gente crie um para a construção de uma marca. Nossa rainha da dominação mundial, Camila Vidal ensina como fazer um, no Curso de Canva para Empreendedoras, mas essa não é a única função dele!

Seja como for, esses painéis são grandes fontes de inspiração, tanto para marcas ou para o nosso dia a dia. Por isso, aproveite esse mundão virtual para buscar referências, ideias, tutoriais e moods. No Behance e no Pinterest, é possível criar painéis semânticos com tudo aquilo que você achou de incrível. E sempre que você se sentir desmotivado ou com bloqueio, recorra a ele para se inspirar.

No artigo 4 dicas incríveis para designers remotos, nossa redatora Nicole, também indicou o Go Mood Board, para montar o seu. Contudo, você também pode montar um na parede do seu quarto ou escritório, para ele sempre estar ali quando precisar. Afinal, o mundo físico também tem sua beleza!

Moodboard da Moving Girls no Pinterest. Fonte: Laís Lumes

Por fim, se você ainda está com dificuldade na sua criação, escrevi esse artigo sobre Como se manter criativa em tempos difíceis, que pode te ajudar!

Publicitária movida a café e memes, apaixonada pelo mercado criativo e digital. Acredito em marcas profundas, com sentido e que conectam, a partir da minha jornada empreendedora, ajudo outras pessoas a alcançarem isso com seus respectivos negócios.

Deixe-nos um comentário, miga!